Qual o melhor piso para sua casa?

Você acabou de comprar a casa dos seus sonhos através do programa minha casa minha vida, mas ainda precisa se preocupar com alguns ajustes, e se esses ajustes estiverem relacionados ao piso, todo o cuidado é pouco nessa hora.

E digo isso porque você precisa escolher o melhor piso para sua casa, para que ele atenda as suas necessidades, e tenha uma boa durabilidade. Os tipos de piso hoje são bem variados e para escolher pode ser difícil.

Entre eles temos o porcelanato, a cerâmica, os laminados, o piso vinílico, resina e ainda os mais tradicionais como os tacos, assoalhos, pastilhas e ladrilho hidráulico. E vamos trazer dicas que vão ajudar nessa difícil missão.

Um pouco sobre o piso de porcelanato.

Vamos começar falando sobre o queridinho, que é o porcelanato, que é sempre muito usado pela sua beleza, em sua composição existem materiais rochosos, e isso já diz muito sobre a sua durabilidade e resistência, e por esse motivo se torna uma ótima escolha.

A variedade desse tipo de piso e bem vasta, é possível que você fique em dúvida na hora de sua escolha, existem peças que parecem verdadeira obras de arte. Existem desde modelos simples até mais sofisticados, escolha o seu e se encante.

 Um pouco sobre o piso de cerâmica.

Agora vamos falar sobre um piso mais popular que é a cerâmica, e ela é composta de argila, e isso não é uma boa notícia se levarmos em consideração, que sua durabilidade é muito menor em comparação ao nosso conhecido porcelanato.

 E isso pode levar algumas pessoas a desistir do seu uso em sua casas, mas depende muito do que deseja para seus ambientes, e principalmente de seu orçamento tendo em vista que esse piso é bem mais em conta.

  Um pouco sobre o piso laminado.

Os laminados são muito bonitos, e podem deixar um ambiente muito sofisticado, seu acabamento é bem refinado, e sua camada superior é protegida pela resina melamínica, e por isso ele leva esse nome, por ter um visual laminado.

Se você pensa em usar esse piso em áreas abertas de sua casa, como varandas e quintais, esqueça, pois, ele é mais indicado para áreas internas e secas, pois seu contato com a água e o sol danificam as peças, levando a uma perca do seu dinheiro.

  Um pouco sobre o piso vinílico.

Esse piso de nome engraçado, é sempre muito usado, o piso vinílico é composto de um material bem conhecido de todos que é o famoso PVC, ele ainda recebe uma resina de poliuretano, o que o protege das temidas manchas.

Esse piso se apresenta de 3 formas que são, a manta, réguas ou então placas, e se diferencia por ter uma instalação bem simples, e quando digo simples não estou de brincadeira, pois, dependendo do modelo que você decida na hora da compra.

A instalação pode ser feita de forma bem facilitada, uma opção é através de uma cola apropriada para a colocação de piso, vendida em casas de materiais de construção, e a outra forma é através do click.

Mas apesar de ser de fácil instalação, é preciso ter muito cuidado na hora de instalar o seu contrapiso, porque se ele não for devidamente colocado, pode levar a imperfeições bem chatas na hora de colocar o seu piso vinílico.

 Esse tipo de piso também é indicado para áreas internas, e deve ser evitado nas áreas externa de sua casa porque desbota com o sol, deixando um aspecto feio, e outro agravante é que ele também não deve ser molhado, para não alterar seu visual com manchinhas.

 Um pouco sobre tacos e assoalhos.

Esse tipo de piso é bem clássico, e possui um visual lindo e sofisticado, ele foi muito usado por volta dos anos 60 e 70, e pode ser encontrado em casas um pouco mais antigas, por muitas pessoas quererem manter esse visual mais clássico.

Hoje em dia, esse piso está em alta por ser de qualidade, e ter a madeira maciça em sua composição. Só que se você quer algo que não te de muito trabalho, ele deve ser evitado em sua casa, pois, é um piso mais delicado e requer cuidados especiais, para ficar sempre lindo.

Um pouco sobre ladrilho hidráulico.

Esse é um piso mais prático de ser cuidado, o   ladrilho hidráulico tem a sua produção artesanal, e é feito à base de cimento, e se apresenta em variadas pigmentações, e algumas são bem diferentes e alegres.

Esse tipo de piso, compensa em se tratando de custo benefício por ter uma longa durabilidade, ele pode ser usado tanto dentro como fora de sua casa, você não terá problemas para cuidar desse piso, e isso torna ele uma ótima opção.

Um pouco sobre piso ou resina epóxi.

O nome pode ser um tanto complicado, mas a qualidade é indescritível, esse piso é totalmente impermeável, resistente e apresenta uma ótima durabilidade, só por aí já deu para saber que ele é uma ótima opção para a sua casa, não e mesmo?

Esse piso deve ser bem cuidado, para que não existam riscos, o que pode deixar seu visual poluído, ele é mais recomendado para as partes internas da casa por esse motivo, visto que as áreas externas são bem mais usadas.

 Um pouco sobre o uso de pastilhas.

Por último vamos falar sobre as pastilhas, que são bem conhecidas de muitos, antes não contávamos com muitas opções, mas hoje existe uma variação boa desse tipo de piso, que apresenta uma durabilidade incrível.

Ele pode ser feito com materiais como vidro, coco, fibra, madrepérola, inox, porcelana, além de existirem no mercado as pastilhas 100% recicladas, que são feitas com garrafas PET o que é ótimo para o meio ambiente.

As pastilhas se apresentam em formato quadrado que acredito ser o mais conhecido de todos, em formatos retangulares, e ainda em formatos arredondados, tem para todos os tipos e gostos. Por ser bem resistente esse piso pode ser usado tanto dentro como fora da casa.

E aí, qual foi a sua escolha? Depois de adquirir o seu grande bem, com a compra de sua casa pelo programa minha casa minha vida, nada melhor que deixar a sua casa do seu jeitinho, aproveite as dicas, e mude já!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *